IBRACON - Instituto dos auditores independentes do Brasil

IBRACON - Instituto dos auditores independentes do Brasil IBRACON - Instituto dos auditores independentes do Brasil

Notícias > Notícias do Mercado

Segunda-feira, 29 de Junho de 2020

Setor de transporte, armazenagem e correio expõe maior retração da história

Por Renata Rios

Tamanho do Texto: a A

Dados divulgados pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) apontam que o mês de abril teve uma queda recorde em relação ao volume de serviços prestados pelo setor. Comparado ao mesmo mês do ano anterior, abril de 2019, a retração foi de 21,2%; já em relação a março deste ano, a redução foi de 17,8%. Esses resultados apresentados são os piores desempenhos desde o início da série histórica, em fevereiro de 2011.

Entro os setores, o mais impactado foi o referente ao transporte aéreo. A queda em relação a abril de 2019 foi de 77,2% e, comparada a março de 2020, de 73,8%. No transporte terrestre também registrou o pior desempenho: 28,5%, em relação a abril de 2019, e 20,6%, comparado a março de 2020.

No setor aquaviário, houve crescimento de 16,3% no mês de abril em relação ao ano anterior. Comparado ao mês de março, o setor apresentou estabilidade, com retração de 0,1%. Outro setor que teve um desempenho bom foi setor ferroviário. Nesse caso o volume transportado nas ferrovias brasileiras é mensurado em Toneladas Úteis (TU) e cresceu 18,9%, tanto em relação a março de 2020 quanto a abril de 2019.

De acordo com a CNT, a realidade apresentada nos dados de suas Pesquisas de Impacto no Transporte - Covid-19 apontam retrações históricas. Essa foi 3ª Rodada da Pesquisa e, segundo a confederação, a pesquisa mostra pessimismo em relação a maio e os próximos meses deste ano.

Fonte: Jornal Correio Braziliense - 29/06/2020

Próximos cursos

Fechar [X]

Indicar a um amigo!

Fechar [X]

Enviar a um amigo!